03 outubro, 2011

Olha a cobra!

Semana doida essa minha, melhor nem comentar... mas agradeço os comentários tão gentis e queridos na postagem anterior! Obrigada viu!!! 

E agora vou falar da visita que estava querendo se fazer hóspede aqui em casa: uma cobra. Não era venenosa, mas não deixa de ser cobra... não que eu seja avessa à elas ...rs... mas enfim, na verdade fui eu que "cutuquei" ela, sem querer. 

Estava um dia tão lindo, com o sol brilhando no céu azul, sem promessas de chuva, a primavera fazendo meu dia feliz e tal... peguei um facão e decidi depenar um caeté aqui frente a casa, até afiei ele! E "facãozada" pra lá, "facãozada" prá, não percebi que ela estava enroladinha ali no meio. Numa dessas, ela deu um salto, gente! Eu saí correndo do susto, caía e levantava e a coitada saiu pro outro lado mais assustada que eu... Só depois fui parar, analisar que tipo de cobra era e rir muito de mim mesma. Sou doida, pensei... e não vi mais ela. 

No outro dia, estava abrindo a janela do quarto e lá estava ela, tomando sol nas pedras, próximo ao deck... Peguei a máquina e fui lá, cutucar a bicha... q saiu rapidinho de perto de mim. "Ela é louca", deve ter pensado ela... Tempos depois conversando com o marido, sentadinhos no deck após o almoço, eis que ela surge novamente, e agora no deck! Querendo entrar dentro de casa! Não dona cobra, aqui não pode, é "meu" habitat, que embora esteja no seu, tem respeitado seu espaço - salvo o episódio do caeté, mas eu não sabia! 

Falei pro marido que teríamos que nos livrar dela, já que insistia em ficar aqui, e não lá no mato... aí marido foi pegar algo para dar um jeito nela, pensei ser o facão, mas foi uma espingarda de pressão!!!! E assustou a bichinha pra longe daqui eu espero, porque acertar nela ele não iria ...rs... não seria responsável pela morte dela. Não a vi mais por aqui... felizmente. Vai que eu vou no banheiro e ela está lá?! ...rs... Mas olhe as pics dela, depois me conta: você tem medo de cobras ou outro animal? 




12 comentários:

Marcia disse...

OI Re, bom dia !!!
Acho mesmo que ela se assustou mais que você rsrsrsrs, mas meu Deus acho que eu estaria correndo até agora rsrsrs, primeiro a gente corre né depois vai ver se é venenosa ou não !!!
Mas olhando bem até que ela é bonitinha... fiquei iamginando a cena você no banheiro e ela aparecendo ... ai não dá neam !!!
Boa semana, de prefenrência , sem cobras !!!
Beijos no coração
Marcia

marcela disse...

Eu se visse teria gritado até a quinta geração ouvir kkk.Não teria coragem nem de tirar fotos kk,vc é corajosa hein.Confesso q tenho medos de uns e pavor e nojos de outros,mas é melhor abafar kkk.Boa semana e sem visitas indesejáveis kkk.Bjs!

Lauisa Sousa disse...

Ai Jesus..eu sairia correndo para a China..morro de medo de cobra..não gosto nem de ver foto..mas até que a sua é bem bonitinha kkkkk..passei para agradecer a visita no blog..beijos e olha a cobra!!!

Andrea e Maki disse...

Que medo!!! Eu sou a própria medrosa,tenho medo de galinha, de gato, de vaca,mas acho todos lindos menos um, que eu tenho medo mesmo, pânico, pavor que é o tal do RATO, ui, só de falar nele me arrepio toda!!! Prefiro a cobra mil vezes, é trauma de criança, acho que só com terapia! Beijo enorme para vc da Andrea e da Maki (que por sinal adora animais, mas tem um medinho também...)

Maria Reciclona disse...

Oi Rê. Só com você mesma uma coisa dessa. Também fica adentrando em "habitats alheius"....
Não sei se em situação como essa eu gritaria a la quadrilha junina: "olha a cobra!!!!" ou se a la Patric: "Olha a faca!!!!".
É adrenalina demais pra euzinha.
Um abraço querida. E ótima semana sem répteis pra você.

Vida no Campo disse...

Oi Rê ,não gosto nada de cobras ,mas por aqui tem muitas e são venenosas como jaraca e cascavel ,tenho medo ,por causa da minha manina pequena,que ainda não sabe se cuidar e anda por ai leve livre e solta,outro dia uma picou uma das vacas da fazenda ,chamamos o veterinário e conseguimos slaval a vaca com antidoto,mas morrar no mato tem destas coisas né nem tudo é perfeito,beijos minha querida,tenha um lindo inicio de semana

Roberta Colling disse...

mas era enormeeeee, fiquei até com medo aqui.. mas vida no sitio é isso ai neh! hehe
Bjus

Lucinha disse...

Rê,

Eu morro de medo de cobra. Lá no sítio do meu pai em MG, tem cobra e escorpião, mas mesmo assim, eu amo roça.
Aqui na NZ, não tem cobra. Por isso eu caminho tranquila dentro dos parques etc.

Eu não teria coragem de matar por dois motivos. Uma por preservação, outro por que minhas pernas iriam tremer tanto, que não conseguiria.kkkk

Mas quando moramos num lugar assim, acabamos convivendo com todos os animaois, na perfeita paz. Rs

Beijos

Josiana Leite disse...

Muito calma você, eu estaria enfartando, gente, corajosa, mas cuidado viu, abraços
josiana leite - Decorafino

Dona Maria disse...

E eu entrei aqui certa de que se tratava de uma festa junina. ~abafa~Hahahahahaha

Odeio cobras. Odeio muito, mesmo!

Beijocas.

Regina disse...

Por essas e por outras eu acho que eu sou + do tipo "fazendeiro de asfalto". Eu diria pro marido: ou ela, ou eu. - Tenho pavor de répteis , pavor, pavor, pavor.

Tatiane disse...

Muuuuuuito medo de cobra mas as aranhas? Ah! Essas me torturam :(

Aproveite para ver também: