11 outubro, 2012

Lembram do tronco de árvore que plantamos?

Então, aos poucos vai ganhando vida!
Já tem umas mudas de orquídeas e umas florzinhas nele... e também preguei um cipó todo torcido que Babinha e eu trouxemos de uma de nossas andanças pelo mato. Como o tronco tá morto mesmo heheheh ele não sofreu com os pregos!

Pra quem não conhecia o sítio antes, nesse post aqui você acompanha quando "plantamos" o nosso tronco na porta de casa rsrsrsrs

E o cipó já tem companhia: um tipo de bambu-trepadeira, bem lindinho, que adorou esse cantinho aí!


E lembram também daquele outro tronco que marido encontrou por aqui, que rendeu um bocado de coisas aqui em casa? Se não lembra ou não viu, dá uma olhadinha aqui!

A mesa que o marido fez, ganhou bancos lindos, feitos por ele também. Essa madeira não sei dizer qual é, mas estava pelo mato próximo à nossa casa, provavelmente um árvore que outra gigante derrubou - outro dia vou sair pra mostrar as gigantes que caem na mata... levo cada susto rsrsrsrs

Marido gosta de preservar os detalhes como formato da madeira, ranhuras, veios.... 

E olha um casalzinho que me acorda todos os dias! Acho que eles então em época de acasalamento pois fazem um auê! Nem parece que é passarinho heheheheh Aliás, eles estão bem na pedra da cobra, lembra? Estou fazendo um "de volta ao passado" hoje neste post hein! heheheheh Sorte deles que ela foi-se!

E pra encerrar, dona Pekena, curtindo a vida e o sol num sono daqueles, eita!

BEIJO, BEIJINHO, BEIJÃO BEM NO SEU !!!!

3 comentários:

Telma Pereira disse...

Olá Re, prazer em te conhecer!
Parabéns pelo belo post, lindas peças em madeira!
Quero te agradecer o carinho da visita e te convidar p retornar e curtir o meu "Outubro é Rosa". Te espero.
Um beijo,
Telma

Rosana Remor disse...

OI QUERIDA!ESTÁ LINDO O TRONCO ASSIM FLORIDO!BJS!

Profª Lourdes disse...

Homenagem Aos Professores Educadores
Hoje trago uma mensagem para os professores educadores em sala de aula ou não:, Pais, Artistas, Artesãs, poetas, Escritores(as), Culinaristas, Blogueiras, em fim, todos que ensinam e educam merecem no dia 15 de outubro ser homenageados(as).
Um autor desconhecido escreveu assim:
" Educador, como ninguém, você exerce com maestria essa função. Você professora.,já foi criança e... ontem você não entendia muitas coisas, hoje precisa se fazer entender, criar soluções. No seu dia-a-dia a sua capacidade de amar é colocada à disposição de todos. Quando você volta para casa, a tarefa ainda não está terminada, mas a sua consciência está em paz. Você corre em paralelo com o tempo para não ficar ultrapassado. Aceita-se todo por dentro para mostrar a seriedade que é exigida e ainda sorrir para aqueles que precisam de afeto. Na sua angústia existencial ainda se propõe a ajudar a quem procura. Você avalia. Que coisa difícil é avaliar. Aprova , reprova e finalmente recupera. Pelos caminhos da sua vida você vai encontrando tantas portas.....umas quase se fecham, quando deveriam se abrir. Tantas que se abrem, quando deveriam fechar-se, Portas sombrias, enferrujadas, à espera de alguém ansioso por um toque, outras escancaradas pela falta de responsabilidade e amor. E você, passo a passo, vai contribuindo para cada uma delas. Você transforma, ilumina, esclarece, compreende e vence o desafio. É o suave mistério da sua vocação. Como você é importante!!!"
Ser professor não é um dom é uma escolha e se escolhemos exercer esta profissão devemos cumprir com amor, dedicação e preparo, está sempre disposto a aprender.
Como diz Paulo Freire: “Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção”.
Feliz dia do professor e muito sucesso cada dia da tua vida! Abraços da amiga Lourdes Duarte.

Aproveite para ver também: